CARTAS E E-MAILS

Este é um espaço dedicado para postar opiniões, sugestões, críticas, reflexões e comentários sobre temas de interesse da família PM e CBM. Mande seu texto para o e-mail da Associação (ame-rj@ig.com.br), ou se preferir envie-o à Sede (Rua Camerino, 114, Centro/CEP 20.080.010).

Este espaço é reservado para você. Participe!!!

As opiniões são de exclusiva responsabilidade dos autores. A AME/RJ se reserva o direito de rejeitar qualquer conteúdo ameaçador, difamatório, insultuoso, obsceno ou pornográfico.  Também não serão publicados elogios ou agradecimentos pessoais. Por motivo de espaço, as cartas e e-mails serão selecionados e podem sofrer cortes, sendo publicados os trechos mais relevantes.

 

05.01.2017

Contra a recomendação feita pela AOMAI de cancelar o Réveillon

Não concordo com a carta publicada na imprensa sobre a suspensão do "Réveillon" da cidade do Rio de Janeiro. Trata-se de uma festa tradicional de alcance internacional. A carta de autoria da AOMAI (Associação de Oficiais Militares Ativos e Inativos da PM e do Corpo de Bombeiros) não faz qualquer referência às demais associações que congregam PM/BM. Me parece uma tentativa de surfar no desespero que assola a família de PMs e BMs. Não encontrará eco, e certamente acarretará mais desgaste às corporações. Sugiro que a AME/RJ se pronuncie a respeito desautorizando o teor da missiva da AOMAI.

WILSON DE FREITAS CHAVES, Cel PMERJ Ref, em 29.12.2016

22.12.2016

MENSAGEM DE NATAL DO CBERJ

 

24.11.2016

INDIGNAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS ESTADUAIS

Senhores Deputados Estaduais,

Procurei encaminhar aos Deputados que mantive/mantenho ao longo da minha vida contatos de ordem pessoal e profissional. Garanto que nesta seleta relação estão àqueles em que eu, minha família e amigos acreditamos. 

Sirvo me deste expediente como funcionário público Estadual desde 1981, oportunidade em que entrei para a Escola de Formação de Oficiais da Policia Militar, a fim de me manifestar de forma indignada, como milhares de outros estatutários que entregaram sua juventude e o melhor da sua fase adulta a prestar um serviço a população deste Estado.

Este "pacote aviltante" proposto pelo governador encerra toda a sua incapacidade de gerir os destinos para o qual foi eleito.

Perpetra contra todos nós de forma irresponsável atos que trarão consequências inimagináveis. São propostas inconstitucionais, ilegais e imorais

Espero que o bom senso dos senhores prevaleça e contagie os que pretendem de forma covarde se virarem contra os interesses dos funcionários públicos e da população.

Aristeu LEONARDO Tavares, Coronel Policial Militar RR, em 24.11.2016     

 

06.09.2016 

Agradecimento do Presidente da Câmara dos Deputados à AME/RJ

Senhor Presidente,

Agradeço, sensibilizado e honrado, a Vossa Senhoria os cumprimentos formulados por ocasião de minha eleição ao cargo de Presidente da Câmara dos Deputados, no dia 14 de julho de 2016, ressaltando que suas palavras de estímulo ao desempenho de tal missão reforçam a convicção de que a defesa da democracia passa, sempre, pela transparência nos atos públicos.

Atenciosamente,

Rodrigo Maia, Presidente da Câmara dos Deputados, em 25.08.2016

 

12.08.2016

Morte de PMs: E a barbárie continua...


Conexão Leitor -  11/08/2016 - Jornal O Dia

 

25.07.2016

Banalização da vida do policial

Conexão Leitor - 23/07/2016 - Jornal O Dia

 

A declaração do Presidente da AME/RJ foi publicada na reportagem " Banalização da morte de policiais preocupa", Jornal O Globo , 17/07/2016.

 

28.07.2016

EDITORIAL DO GLOBO - RESPOSTA

Caro amigo Coronel PMERJ Fernando Belo, presidente da AME/RJ

Não tenho nenhuma dúvida de que o editorial publicado no Jornal O Globo, poderoso veículo da mídia e pertencente à REDE GLOBO, retrata o que ela pensa de nós Policiais Militares, dos Policiais Civis e dos Bombeiros Militares, a quem tachou de "terroristas” pelo simples fato de alguns profissionais daquelas categorias, usarem o seu direito inalienável de protestar contra o atraso e o não pagamento na forma prevista pela lei, dos nossos salários, alimentos vale dizer, direito constitucional que nos está sendo negado.

Estamos assistindo a mais formidável "TERA" ROUBALHEIRA JAMAIS VISTA AQUI NESTA REPÚBLICA DA BRUZUNDANGA, praticado por políticos, empresários e funcionários públicos graduados e sobre os quais o veículo midiático em questão não disse uma palavra, ou se limitando na maioria das vezes, a reproduzir fatos em apuração, sem nenhum conteúdo que traduza a linha editorial, que deveria ser contra tudo isso que está acontecendo no país.

O jornal em questão prefere atacar uma categoria que defende a sociedade com o sacrifício da própria vida e que usou apenas o direito impostergável de protestar contra o crime do qual está sendo vítima por parte desse desgoverno, encabeçado pelo partido que manda e desmanda neste infeliz (ex)tado desde sempre.

Sobre os grandes escândalos financeiros atualmente em apuração pela Operação Lava Jato, os âncoras dos principais telejornais da rede não comentam ou dizem palavra;

Sobre os salários e privilégios imorais de algumas categorias de servidores dos Poderes Judiciário e Legislativo, Ministério Público, Tribunais de Contas, dirigentes de Fundações, Autarquias e Empresa de Economia Mista, etc, nenhuma palavra;

Sobre o Foro de São Paulo, MST, MSDT, braços armados do PT e seus áulicos, TOCANDO O TERROR NA CIDADE E NO CAMPO, nenhuma palavra;

Sobre a ocupação ilegal de prédios e repartições públicas, nenhuma palavra;

Em termos de jornalismo investigativo a Rede Globo é um zero à esquerda e seus dirigentes deveriam fazer um estágio em São Paulo, para aprender com quem sabe e quer fazer deste país um lugar melhor para viver.

Sabemos bem por que essa empresa jornalística defende com unhas e dentes esse caríssimo evento esportivo denominado OLIMPÍADAS, ASSIM COMO O PAN AMERICANO E A COPA DO MUNDO: o quase bilionário patrocínio que ela vai vender com a transmissão dos jogos para o mundo todo, mas a um custo quase impagável para o erário público, leia-se contribuinte, extorquido pelo governo federal, em escorchantes impostos, que, diga-se de passagem, é quem deveria pagar todas as custas, pois afinal a OLIMPÍADA é  um evento brasileiro e não do Rio de Janeiro ou outra unidade federativa qualquer.

Em 2013 uma massa popular mista, composta por todas as camadas da população  foi as ruas em todo o Brasil para dizer não  as obras dos estádios de futebol e  outras conexas, para  a COPA DO MUNDO DE   2014,  pois as estimativas  em face das  despesas  importava uma soma astronômica não condizente  com a situação das finanças do país, que já ameaçava naufragar, mas a   senhora rede  globo não deu uma palavra  sobre isso pelo já sabido fato de que  ela lucraria somas fantásticas  com venda de cotas de (PAI)TROCÍNIO.

As obras interessavam para aqueles mesmos de sempre: governadores, políticos, funcionários públicos graduados e empresários, que viram a oportunidade de faturar porcentagens milionárias com serviços superfaturados, licitações fajutas, adicionais ilegais aos contratos originais e outras maracutaias que já são do conhecimento até de crianças do pré-escolar.

Passeatas com mais de um milhão de pessoas no RJ e SP foram às ruas, quase as barricadas, para dizer não a COPA DO MUNDO e exigir SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA, MORADIA, SANEAMENTO BÁSICO DE QUALIDADE, mas novamente  a rede globo não deu nenhuma voz à vontade do povo brasileiro.

O projeto OLIMPÍADA 2016 no Brasil já iniciou de maneira equivocada e criminosa, pois em 2012 uma equipe vinculada ao COB tentou furtar dados de um software arquivados num computador do Comitê inglês, caso que não só virou um imbróglio internacional como fez o Brasil pagar mico no final daquela competição. 

Para finalizar quero dizer que a faixa que os policiais exibiram no AIRJ com os dizeres ‘BEM VINDO AO INFERNO’ diz muito pouco sobre o que se passa por aqui neste outrora pacato torrão. Isto aqui é o caos, anomia, corrupção, violência, criminalidade.

É a mais descarada e pornográfica ROUBALHEIRA DA POUPANÇA PÚBLICA ANTE A INAÇÃO E A LENIÊNCIA DAS AUTORIDADES e para ser realmente fiel aos fatos teria que ser colocada na entrada dos portos, aeroportos, rodovias e fronteiras, a mesma placa que DANTE ALIGHIERI e VIRGÍLIO viram e leram quando adentravam o portal do INFERNO: DEIXAI LÁ FORA, Ó VÓS QUE ENTRAIS TODA A ESPERANÇA!!!

Ten Cel PMERJ RR Paulo Fontes (Associado), em 07/07/2016.

 

 

05.07.2016

A PM pede socorro

Conexão Leitor - 03/07/2016 - Jornal O Dia

 

09.06.2016

ESTADO SEM VERBA

Meus amigos,

Outra situação que precisa ser amplamente divulgada, evidente que não sei como, se soubesse sugeriria. É a ocupação de cargos de secretários estaduais por indivíduos tais como Julio Lopes, que ganha R$ 65000,00 (sessenta e cinco mil reais) muito acima do estado, pagos pelo erário estadual, Wagner Viter, também ganha bem acima do teto, José Mariano Beltrame, os dois primeiros recebem da Petrobras (verba essa ressarcida a empresa pelo estado) e mais o salário de secretário, o terceiro delegado da PF, também é provável estar no mesmo esquema. 

Se o estado encontra-se com as finanças precárias, será que não existe ninguém na unidade da federação competente, para exercer  tais funções e não lesar financeiramente o tesouro. Nessa toada deve haver mais cedido de órgãos federais e de empresas estatais, tipo Petrobras, onerando extremamente os cofres estaduais. 

Faz-se necessário um levantamento criterioso da folha estadual, a fim de exigir um compromisso por parte do Governador, antes de pensar em cortes de funcionários em estágio probatório e até estatutários, devolver esses indivíduos aos seus órgãos de origem acabando com essa sangria, perdulária, vergonhosa e quiçá criminosa ao erário estadual.

Fico pasmo, quando vejo que o Julio Bueno um dos que ajuda a arrombar os cofres, vai ser responsável pelos ajustes e cortes, logo ele. O Beltrame com seu projeto falido das UPP´s, onde são assassinados PM´s quase diuturnamente, não assume seu erro e continua falando abobrinha toda vez nas entrevistas. 

Esse projeto de UPP, além de ceifar vidas de indivíduos jovens os quais poderiam ser produtivos por longos anos, ainda proporciona uma despesa extra com as pensões, que pagas aos dependentes por direito e obrigação do estado, durante vários anos, precisa urgentemente ser abortado.

Por tudo isso, há que se procurar um meio de divulgar esses fatos esclarecer a população, mostrando a total incompetência dos que se  encontram a frente do governo do estado. Tirando assim a culpa que esses descompromissados tenham jogar em cima dos inativos e pensionistas do estado através do Rioprevidência.

PS: Por tocar nesse ponto, lembrei que o presidente do Rioprevidência, é funcionário da CEF cedido, não é preciso falar mais nada.

Helio Rosa (Associado) - Major PM, em 03/06/2016

 

19.05.2016

HOMENAGEM A PMERJ

Prezado Presidente da AME/RJ,

Em razão da data de aniversário da PMERJ, tive o atrevimento de usar a licença poética e rascunhei um pequeno texto alusivo que humildemente compartilho com todos os companheiros da PMERJ e Associados da AME/RJ. A saber:

À PMERJ!

Hoje é um dia marcante para a Sociedade Fluminense e porque não dizer para todo o Brasil, pois comemoramos os 207 anos de criação da nossa querida PMERJ, essa instituição que nos garante a prevenção, a intervenção nos conflitos e ilícitos, a ostensividade e o restabelecimento e manutenção da ordem social.

Não é em vão que o poeta ao compor o Hino do Policial Militar, escreveu: "Ser Policial é, sobretudo uma razão de ser. É enfrentar a morte, mostrar-se um forte, no que acontecer”.

Sentimento que nos enche de orgulho, pois sabemos que em suas fileiras existem cidadãos propostos a doar a vida em prol de um anônimo!!! Admiro essa Corporação Coirmã, tenho todo respeito pelo seu efetivo e sinto-me seguro e feliz pela existência bissecular, atendendo aos mais distantes e inóspitos recantos do nosso Estado do Rio de Janeiro. Parabéns!!!

Fraternalmente,

Márcio de Souza Magalhães - Cel BM, em 13/05/2016

 

19.05.2016

CADÊ O ESPADIM DE TIRADENTES?

Caro Presidente da AME/RJ, Coronel PMERJ Fernando Belo,

Tomei conhecimento através de uma fonte que não posso revelar que a não publicação de nenhuma nota no Boletim da PMERJ a respeito da data comemorativa da criação da nossa INSTITUIÇÃO não foi esquecimento, mas uma atitude consciente do Comandante Geral da corporação em protesto contra o alto número de Policiais Militares assassinados.

Se isto for verdade, respeito o posicionamento daquela autoridade, mas discordo da atitude tomada, porquanto não é por esse caminho que podemos protestar contra tão trágica situação.

Acho que o Comandante Geral pode protestar com outras atitudes proativas como, por exemplo, exigir respeito ao Secretário de Fazenda Júlio Bueno e do Presidente do Rio (IN) Previdência Benedito Barbosa diante das declarações que andam veiculando nos órgãos da imprensa.

Estes senhores afirmam com todas as letras que um dos culpados pela caótica situação do tesouro do estado é a FOPAG dos aposentados, inativos e pensionistas, sendo que o segundo resolveu por conta própria demonizar os Oficiais da PMERJ jogando sobres nossos ombros a culpa pela situação das finanças do estado.

Também não concordo com o argumento do alto número de PMs que perderam a vida, seja motivo para justificar a não comemoração da nossa DATA MATER, 13 DE MAIO DE 1809, porque se fosse assim  os presidentes  dos EUA, UK, FRANÇA, RÚSSIA  E DEMAIS ALIADOS  não cultuariam  o DIA  DA COMEMORAÇÃO DO FIM DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, conflito que  matou mais de 60 milhões de seres humanos.

Muito pelo contrário, acho que citar aqueles que tombaram no cumprimento do dever é uma forma de não deixar cair no esquecimento o sangue que nossos heróis derramaram pela sociedade, é um tributo que devemos eternamente a eles e as suas famílias enlutadas, às viúvas (os), aos órfãos.

Tenho a mais absoluta certeza que diante da decisão tomada, a PMDF está feliz da vida por comemorar sozinha uma data e anos que não lhes pertence, mas isto é um assunto que abordarei em outra ocasião.

Atenciosamente,

Ten Cel PMERJ RR Paulo Fontes (Associado), em 15/05/2016.

 

23.03.2016

Associação Comercial do Rio expressa apoio a AME/RJ: “o inconformismo da entidade se justifica”

A Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ), entidade que defende os direitos dos policiais militares e bombeiros militares do Estado, manifestou apoio a AME/RJ quando a associação, por meio de um ofício, repudiou as declarações do Sr. Governador Luiz Fernando Pezão quando este atribuiu a culpa da falência do sistema de previdência dos militares estaduais aos integrantes da corporação.

Clique aqui e leia a carta na íntegra

 

27.01.2016

Colégio Militar

Congratulo-me com o Presidente de nossa Associação, pela carta envida ao Sr. Comandante Geral, a respeito do nosso Colégio Militar da PM. A referida carta é veemente, concisa, firme, escrita nos mais elevados termos de cordialidade, parabéns pela mesma senhor Presidente. Paralelamente informo que este mês foi criado o 13º Colégio Militar do Exército. Relembro que em Goiás cerca de cinquenta educandários estão sendo administrados pela Polícia Militar de Goiás, com incrível sucesso que pode ser confirmado via internet no "youtube". Desta forma não perceber o sucesso da disciplina, hierarquia e civilidade que a administração militar aporta é um equivoco a ser evitado. Acrescente-se que o primeiro Colégio Militar a ser criado, onde estudei, o do Rio de Janeiro foi criado para os órfãos dos militares mortos na guerra do Paraguai, e hoje quando nossos soldados estão frequentemente, morrendo na guerra urbana contra o crime, nada mais justo que com o mesmo espírito que norteou os nossos antepassados, amparemos os órfãos dos policiais militares que zelam por nossa ordem e segurança e morrem nesse empenho. Cordialmente,

Cel. PM Med Newton José de Almeida Amado Junior (Associado), em 14/01/2016

 

14.01.2016

Carta aberta ao novo Comandante Geral da PMERJ

Cel PM RG 53.592 EDISON DUARTE DOS SANTOS JUNIOR

Caro Cmt,

Certamente V.Sa não conhece este signatário, assim como grandes vultos da Corporação como o Sr. Cel PM FERNANDO ANTONIO POTT, o Sr. Cel PM JOÃO LEITE BARRETO, o Sr. Cel HELMO DIAS, entre outros, estes todos meus ex-Cmts de Unidades e referências profissionais.

Mas, assim como a estes oficiais superiores, o acendrado amor à Corporação e à sua destinação constitucional, nos exatos termos cunhados pelo povo brasileiro, marcaram, marcam e marcarão para sempre a vida deste agora escriba que, entre tantas manifestações escritas, cunhou a expressão SIMBIOSE PERFEITA, para definir a absoluta integração, semântica, morfológica, profissional e ontológica das palavras Policial (e) Militar.

Com absoluta comprovação científica, técnica e prática durante a trajetória profissional, mormente no exercício dos comandos da 2ªCIPM, CEPTran, 19ºBPM, 9ºBPM e 23ºBPM, além do desempenho no cargo de Secretário Municipal de Trânsito da capital.

Atualmente na Presidência da Niterói Transporte e Trânsito, a comprovação continua.

Em anexo, encaminha artigo “Dois de Pau" – Inércia Operacional PM, para reflexão.

Em recente artigo, este Oficial Superior PM RR, parodiando o grande “poeta dos escravos” CASTRO ALVES, bradou ao “DEUS DOS DESGRAÇADOS”, pela salvação da PMERJ e até pelo pretenso direito que julga ter de não assistir vivo ao desconcertante descalabro institucional da instituição.

Como LUPICÍNIO RODRIGUES, na música “ESSES MOÇOS” gostaria de lhe propor “por meu sangue, por meus olhos, por meu corpo, tudo enfim”, que acredite neste vocacionado que lhe escreve e proceda às seguintes medidas de forma urgente, porque a PMERJ que V.Sa está assumindo está a serviço dos bandidos, dos criminosos e de todos os fora da lei, que lhe cabe combater e absolutamente afastada e distante do povo que a outorgou a autoridade constitucional de única força pública do Brasil. (Os porquês, que desconfia, posteriormente lhes serão mostrados).

I.             Ressuscite imediatamente as Unidades Operacionais PM (UOP), como Batalhões de Polícia Ostensiva, o atual BPChq, como Batalhão de Preservação da Ordem Pública, tal qual o atual BOPE.

II.           Ressuscite na Academia D. JOÃO VI, o vestibular de direito e o Curso de Ciências Jurídicas, nos 6 primeiros períodos, concomitantes ao Curso de Polícia Ostensiva e de Preservação da Ordem Pública e o Instrução Policial Militar, tudo no Direito Administrativo da Ordem Pública. Não esqueça que o Cap PM é juiz, tem jurisdição, pois julgam praças nos crimes militares definidos, em lei, consoantes a Justiça Militar Estadual (CF. art. 125 § 4º), de forma semelhante, os Oficiais Superiores PM.

III.         Ressuscite o exercício da Polícia Ostensiva de Trânsito e da Polícia Ostensiva de Segurança Externa de Estabelecimento Penal, estas medidas legais decrescerão a criminalidade no Estado em 50%.

IV.          Em prioridade, crie a Reitoria PM, para gestão de todo ensino e instrução da Corporação, todos especializados em Segurança / Ordem Pública. Só as PMM podem!

V.           Ato contínuo, renasça a Instrução de Manutenção para Oficiais, Graduados e Praças com QTS, nas UOps.

VI.         Salve o 1º BPM (mais antiga Unidade PM do Brasil) e o 13º BPM (Batalhão Tiradentes, que foi executado de novo, este pode ser o de POTRAN). Também o 11º BPM, em Neves. É um crime, Sr. Cmt, multiplicar UPP, sem prender ninguém e aniquilar Unidades Operacionais! Não o repita! Não o continue!

VII.       Finalmente, apenas para não alongar, não acredite na mentira dos bandidos de que: “Ao PM basta um armário e uma farda.” É mentira! Sem a logística (rancho, pessoal e almoxarifado), sem o treinamento, supervisão e planejamento específico (P-3), sem a inteligência na atuação e, principalmente, sem uma ação de comando proba, exemplar e competente, nossa Corporação ficará como V. Sa a encontrou: absolutamente alijada do aplauso e do reconhecimento popular.

Desculpe a irreverência, mas nosso Regulamento Disciplinar pune a falta à verdade.

Com desejos de Muita Sorte e Sucesso!

Niterói, 12 de janeiro de 2016.

Atenciosamente,

Paulo Afonso Cunha

Cel PM RR RG 21.140 – Presidente da NitTrans

Em tempo: Se precisar de ajuda, para a nossa Corporação, é uma honra colaborar.

Paulo Afonso Cunha

Presidente da NitTrans - Niterói, Transporte e Trânsito S/A.

Subsecretário de Trânsito e Transporte

Praça Fonseca Ramos s/n - 7 andar

CEP 24030-020, Centro, Niterói - RJ

Tel.:       (21)   2621-5558

Celular: (21) 98400-5575

 

08.01.2016

Membro do Conselho Técnico da AME/RJ escreve carta ao Governador Pezão

Em 06/01, o Coronel Jorge da Silva postou em seu blog uma carta intitulada “Carta ao Governador", na qual afirmou que os PMs do Rio não têm o reconhecimento público que merecem, chamando atenção ao fato de que são nove anos de governo e oito Comandantes Gerais, quase um por ano.

Confira a íntegra da carta:

“Estimado governador Luiz Fernando Pezão,

Perdoe-me, antes de tudo, a pretensão. Tomo a liberdade por conhecer os seus bons propósitos, colega que fui de V.Exª no secretariado do estado.

Fiquei contente ao saber que V. Exª fez questão de presidir a passagem de comando da Polícia Militar, em cerimônia com tropa formada, o que não acontecia em público há nove anos, fato que tinha rompido norma de mais de duzentos anos. O gesto significa que o governador quer prestigiar a bicentenária Corporação, a fim de que o comandante que ora assume e o seu Estado Maior possam, a partir da diretriz política do governo, planejar o emprego da PM com maior autonomia, no sentido de melhor proporcionar segurança e tranquilidade à população do estado.

Apesar de todo esforço no policiamento geral, no policiamento em grandes eventos (réveillon, carnaval, estádios de futebol, praias etc.) e na luta contra a criminalidade ? em que centenas dos seus integrantes têm perdido a vida ?, a PM e os PMs têm recebido críticas, não raro procedentes, sobretudo em se tratando do uso excessivo de força letal, e nenhum reconhecimento público. Tal fato faz com que o referido esforço e os riscos não sejam levados em conta, e redundem na desvalorização dos profissionais PM. Um grande desafio.

Gostaria, finalmente, de chamar a atenção para um ponto que me parece crucial. V. Exª deu posse ao oitavo comandante da PM em nove anos. Sem dúvida, um recorde nacional. Que organização, civil, militar, empresarial ou de qualquer natureza resistiria a tamanha descontinuidade sem desestruturar-se? Mal ou bem, a PM resiste. Mas cumpre (perdoe-me uma vez mais a pretensão) que o novo comandante tenha tempo para organizar-se e autonomia suficiente para desenvolver o trabalho da instituição a contento. O gesto de V. Exª enseja concluir que essa é a sua visão.

Prezado governador, reitero minha admiração pessoal e meu respeito.

Jorge da Silva, cel PM Ref”.

Fonte: Blog Jorge Da Silva

 

 

06.01.2016

Associado elogia Revista da AME/RJ

Acuso recebimento da revista epigrafada com reportagens e formato muito bons destacando "PALAVRAS DO PRESIDENTE". Estou totalmente de acordo com a narrativa do senhor presidente dirigida aos associados, como integrante da organização policial militar a qual muito amo. Estou disposto a fazer tudo que eu puder para o engrandecimento dessa associação porque a entendo sendo o único órgão que tem voz a toda comunidade. Parabéns senhor presidente.

Maj PM Ref Walace M. de Souza (Associado), em 05/01/2015

 

09.12.2015

Respeito e dignidade aos PMs e BMs


Conexão Leitor - 04/12/2015 - Jornal O Dia

 

10.11.2015

A PMERJ está sozinha!


Conexão Leitor - 04/11/2015 - Jornal O Dia

 

02.06.2015

Sócio elogia ultima edição do Informativo da AME/RJ "maravilhoso e antológico"

Caríssimo Presidente Cel. PM FERNANDO BELO,

Com orgulho, confiança e a absoluta certeza de que “não estou só”, encerro às 15h30 deste domingo 31 MAI 15, em Niterói, a leitura do nº 82 do BOLETIM INFORMATIVO AME/RJ.

Particularmente, ao nobilíssimo companheiro desde a EsFO/1971, quero manifestar absoluta empatia de posicionamentos e ideias, brilhantes e claríssimas, no entendimento da “ascua sagrada”, como dizia JOSÉ INGENIEROS, in “ L’hombre medíocre”, que é ser Policial Militar. Apenas na questão de ex-comandantes gerais poderiam, humildemente, contrapor visões absolutamente intelectuais e lógicas sem ranço ou rancor.

Não obstante, como não chorar (ou chorar) com a iluminada e metafórica “onça” do competente ex-Cmt. G. Cel. PM WILTOM? Como não vibrar ardentemente, neste chuvoso dia, com a dignidade e competência de sua postura policial militar? É outro desígnio de que “não estamos sós”!

E os destacados e iluminados Coronéis LARANGEIRAS e FONTES? Como deixar de fazer apologia às suas ideias germinadas tanto no ventre “treme terra” quanto no “azulão” de ensino, pesquisa, doutrina e amor, policiais militares?

Foi no Aspirantado da turma Ten. Cel. PM BANDEIRA DE MELLO, em 1967, que compareci fardado de precadete do 2º ano da EPCAR convidado pelo saudoso Cel. PM NEWTON BORGES DA SILVA, cujo filho Cel. PM NEWTON BORGES DA SILVA

FILHO formou-se, que decidi, no ano seguinte, fazer o vestibular de Direito para ingresso na então PMEG. Como foi bom saber da sua importância histórica secular!

Da reunião da turma “É PRA LEÃO”, Tem. PM CARLOS FRANCISCO FERREIRA 69/71 – EsFO, também reportada, recuso-me a escrever porque, se começar, vou ficar o resto do ano digitando, tamanha a alegria, emoção, gratidão e sublime inspiração que me desperta até hoje. Afirmei anteontem em palestra que, conquanto tivesse um pródigo 2º grau completo na mencionada e amada EPCAR, foi naquele curso que a PM abriu-me as portas do Universo, da vida, da ciência, da eternidade, do idealismo e do amor a tudo isso!!

Efusivos parabéns, nobre Presidente, extensivos à equipe, por este maravilhoso e antológico BOLETIM INFORMATIVO – AME – RJ – Nº 82, loas às
matérias não mencionadas, apenas por concisão!

Conte-nos com o apoio.

Paulo Afonso Cunha

Presidente da NitTrans - Niterói, Transporte e Trânsito S/A.

Subsecretário de Trânsito e Transporte

Por e-mail (31/05/2015)

 

19.05.2015

Mais proteção à vida de PMs


Conexão Leitor - 18/05/2015 - Jornal O Dia

 

11.05.2015

Mensagem de agradecimento - Clube Militar

“Ao estimado Amigo Belo

Profundamente lisonjeado, agradeço suas palavras de estimulo a nossa iniciativa.

O orgulho é todo nosso em contar com a compreensão e o apoio dessa conceituada Associação, presidida pelo caro amigo.

Com um abraço,

Gen Div Gilberto Rodrigues Pimentel - Presidente do Clube Militar

Por carta (10/04/2015)

 

07.05.2015

Agradecimento pelas felicitações de aniversário

Ao Cel PM Fernando Belo

Agradeço, sensibilizado a sua mensagem carinhosa pelo meu aniversário.

Que o GADU o proteja sempre e o ilumine.

Um fraternal abraço,

Cel PM Res Eduardo Blanco, por e-mail (11.04.2015)

 

11.03.2015

Agradecimento pela vitória da AME/RJ no processo da VPE

Ao Presidente da AME/RJ, Cel PM Carlos Fernando Ferreira Belo.

Ao Vice-Presidente Administrativo da AME/RJ, Cel PM José Maria de Oliveira.

"A gratidão é uma forma singular de reconhecimento, e o reconhecimento é uma forma sincera de gratidão."

Agradeço em meu nome e das pensionistas de praça, todo o empenho, a consideração e o comprometimento que os senhores tiveram conosco, dando-nos a oportunidade de entrarmos como sócias nesta conceituada associação, e só assim, conseguirmos fazer parte do processo da Vantagem Pecuniária Especial.

Meu profundo agradecimento,

Ilma de Oliveira, por e-mail (11/03/2015)

 

03.02.2015

Sócio elogia Revista da AME/RJ " agradável e instrutiva"

 

26.02

PMERJ abandonada pelo governo estadual!!!

Conexão Leitor - 23/02/2015 - Jornal O Dia

 

26.02

ENTRADA ÚNICA NA PMERJ

Prezado Cel PM Fernando Belo:

O nosso colega e amigo Fontes expressa um  sentimento de repulsa idêntico a todos que amam a Corporação. O objetivo é acabar com a APM D.JOÃO VI. Solicito ao amigo que defenda a nossa Instituição dessas ideias que estão sendo colocadas maquiavelicamente por Oficiais carreiristas sem nenhum compromisso com a Instituição. 

Um forte abraço do colega e amigo, 

Ten Cel PM Schittini, por e-mail (18/02/2015)

26.02

RECOMENDO ESTA NOTÍCIA DA CBN

Fazem a PMERJ de laboratório. Se der errado, as consequências são nossas. 

Mudanças devem ser discutidas. Devem ser implementadas aos poucos para não destruir  tudo o que foi construído até aqui. Tanto Ativos como Inativos sofrerão com as mudanças. Primeiro coloca entrada única. Depois extinguem-se os Postos Superiores.

A PM deixa de ser GESTORA de Segurança Pública e passa a ser apenas EXECUTORA de Políticas Públicas. Nada disso é inconstitucional, portanto, é possível e fácil de implementar. Lembremo-nos que devemos ter um par Ativo para estarmos atrelados. Homologia entre Inativos e Ativos. Depois, desmilitarizam. 

Pensemos e reflitamos. Não seria o caso de a AME, buscar a discussão do assunto com o Governo do Estado e ALERJ? Estou mandando também para o Cel PM Fernando Belo através da AME. Gostei muito de ver o Cel PM Wilton e o Cel PM Fernando Belo se pronunciarem veemente contra. Isso pode ser o início do fim dessa PM que conhecemos.

Recomendo a notícia “Mudanças na estrutura interna da PM do RJ podem ocorrer ainda esse ano - Carballo Branco, assessor especial do Estado Maior, afirma que a melhoria do nível de escolaridade pode ajudar a alcançar resultados melhores na corporação”.

http://cbn.globoradio.globo.com/programas/cbn-rio/2015/02/11/MUDANCAS-NA-ESTRUTURA-INTERNA-DA-PM-DO-RJ-PODEM-OCORRER-AINDA-ESSE-ANO.htm

Cel PM Adilson Theodoro Soares, por e-mail (17/02/2015)

24.02.15

16.10

Irmandade: Felicitações a Paulo Ramos por reeleição

Cumprimentos do Cel PM Euclydes de Carvalho Brito, Provedor da Arquiepiscopal Imperial Irmandade de Nossa Senhora das Dores, ao Deputado Estadual Paulo Ramos por sua reeleição;

Clique aqui e veja a mensagem

08.10

REPÚDIO

Agradeço o envio da presente mensagem e lamento o esforço enorme do nosso colega Presidente da Associação em manifestar o repúdio da classe pela maneira como nos enxergam perante toda a sociedade.

Mas, infelizmente repúdio muito mais o mal causado pelos nossos colegas "bandidos" envolvidos nos casos de corrupção envolvendo toda a nossa Corporação. Todos os integrantes PPMM foram levados para o mesmo balaio.

É triste de ver a morte do nosso Capitão ou qualquer outro integrante da Corporação em troca de tiros com marginais. Me lembro que naquela semana todos estavam comovidos com o falecimento do ex colega e a luta do Presidente do Clube em dar uma resposta a altura a essa imprensa "Marrom" que, só se sensibiliza ou toma qualquer providência quando envolve profissional do ramo deles, e infelizmente, na semana seguinte o Jornal Extra estampava toda página como se revidasse a carta enviada por essa Associação, com o fato envolvendo a Cúpula da Instituição.

Prezado Cel Belo! Sei da sua tristeza que é a minha, mas na realidade a imprensa ou a sociedade não consegue permanecer durante uma semana sem que estoure uma grande notícia negativa envolvendo integrantes de nossa Corporação. Eu senti muito quando aquele Canalha/terrorista, Vladimir Palmeira quando candidato ao governo do Estado do RJ, há anos atrás pelo PT respondeu que se eleito acabaria com a PMERJ, porque ela é uma fábrica de "BANDIDOS". Só errou porque nem todos são da mesma forma que o Congresso foi comparado atualmente por determinados candidatos como sendo uma fábrica de ladrões e bandidos, mas que nós do bem, sabemos que não é assim. Nem todos os políticos merecem ser jogados no mesmo balaio.

Parabenizo o Colega pela luta incessante! Porque infelizmente, todo o dia tem que matar um leão! Forte abraço,

Júlio Cesar Darci Ramos, por e-mail (30/09/2014)


19.09

SOBRE A OPORTUNA DEFESA DE PMs EM CARTA AO EXTRA

Minhas sinceras congratulações, Coronel Belo, por mais uma demonstração de invejável amor corporativo na reflexiva, oportuna e importante manifestação expressa em carta enviada à direção do Jornal Extra. Não se pode brincar e tentar empanar o brilho de uma instituição com 205 amos de serviços prestados á sociedade, mormente num momento tão difícil quanto este. Policiais militares não são peças de reposição e profissionais não se improvisam. Os ideais do capitão Uanderson jamais morrerão. Aproveito o ensejo para reiterar votos de elevada estima e apreço. Siga em frente na nobre missão de defesa institucional. Meus cumprimentos ao nobre oficial Presidente da AME/RJ,

Ten Cel PMERJ da Reserva Milton Corrêa da Costa, por e-mail (13/09/2014)

O Presidente da AME/RJ, Coronel PM Fernando Belo, agradece o apoio indispensável recebido por parte do Ten Cel PM Milton .

 

SOLIDARIEDADE PM

Exm° Sr Cel Carlos Fernando - Presidente da AME-RJ.Gostaria de prestar minha solidariedade e respeito a nossa co-irmã e demais familiares do Cap PM Uanderson. Registro minha indignação sobre a forma que a imprensa nacional narrou e interpretou sobre a morte do nosso irmão. Precisamos mostrar ao Brasil a nossa força e respeito. Creio que o abuso contra a Instituição Polícia Militar já está passando dos limites toleráveis. Precisamos agir. Att,

Ten Cel PMBA da Reserva e Advogado Militar Gerson Santos Pereirapor e-mail (13/09/2014)

O Presidente da AME/RJ, Coronel PM Fernando Belo, agradece o apoio indispensável recebido por parte do Ten Cel PM Gerson.

21.07

Excelente editorial, parabéns!

Prezado Fernando Belo,

Com satisfação, acuso o recebimento do Boletim Informativo nº 81 da nossa AME/RJ, cujo ponto alto, sem dúvida, é o editorial  de sua autoria. Manifesta ele muito do que todos os Policiais Militares gostariam de dizer. Receba o meu fraterno abraço!

Cel PM José Carlos Barbosa Braga, por e-mail (26/06/2014)

16.06

Presidente do Clube Militar parabeniza informativo da AME/RJ

17.03

Gratidão

Jayme Retameiro Gonçalves tem o prazer de agradecer a AME/RJ, nas pessoas de seus três últimos presidentes pelo empenho, incansável, na busca de uma conquista inédita, que veio beneficiar a inativos e pensionistas, injustiçado desde 2002. Que Deus, em sua incomparável bondade, os proteja e a seus familiares proporcionando-lhes muita saúde e paz.

Cap PM Jayme Retameiro, por e-mail (11/03/2014)

12.03

Congratulações pelo site!

Estive, nesta data, bisbilhotando esse sítio, e, sinceramente, fiquei entusiasmado com sua simplicidade e com a importância e grandiosidade de seu conteúdo. Desde as fotos, que nos leva as reminiscências, as notas e artigos, que nos remete as contingências da atualidade e, principalmente, devido a minha atual atividade, ao conteúdo oriundo do departamento jurídico. Parabéns a toda a administração e equipe.

Roberto Belo de Paula, por e-mail (10/03/2014)

14.01

Agradecimento - Feliz 2014

Prezados,

Agradeço pelos votos enviados e desejo-lhes um Ano de 2014 repleto de Alegrias e Grandes Realizações.

Remi Martins Ribeiro - Presidente da 32ª Subseção-Madureira/Jacarepaguá, por e-mail (08/01/2014)

08.01

 

08.01

REVISTA (AGRADECIMENTO)

Acuso o recebimento da Revista da AME/RJ, nº 8. Agradeço a gentileza.

Atenciosamente,

Gen Ex Renato Cesar Tibau da Costa - Presidente do Clube Militar, por-email (12.12.2013)

26.12

De: André chaves

Enviada em: sábado, 21 de dezembro de 2013 - 17:34

Para: Associação de Oficiais Militares Estaduais do Rio de Janeiro

Aos amigos (as) /irmãos (as) com votos de Feliz Ano Novo.

Wilson